Acentuação gráfica na língua espanhola

Você conhece as regras de acentuação gráfica da língua espanhola? Não? Então aprenda com este post de Espanhol para gabaritar as questões de Línguas no Enem!

Neste post vamos trabalhar um conteúdo que pode te confundir bastante: acentuação gráfica no espanhol. Acentuar corretamente é extremamente importante para se dar bem no Enem. Fique ligado (a) nas dicas deste post para ficar longe dos erros e perto de boas notas!

A língua espanhola é regida por uma série de regras de acentuação que nos permitem identificar na palavra qual é a sua sílaba mais forte. Esta sílaba se chamada sílaba tônica, e não necessariamente será acentuada, mas será pronunciada de maneira diferente.

A sílaba tônica pode ser a última (aguda = oxítona), a penúltima (grave ou llana = paroxítona), a antepenúltima (esdrújula = proparoxítona) ou alguma que esteja antes da antepenúltima (sobreesdrújula), caso que não existe em português. O acento utilizado em língua espanhola é somente o agudo (la tilde), posto que nesta língua não existe o circunflexo.

Exemplos de palavras acentuadas. Fonte: https://www.westhamptonbeach.k12.ny.us/Page/7755

Conheça agora as regras básicas de acentuação gráfica no espanhol:

– Agudas (oxítonas) > São acentuadas as agudas terminadas em N, S e VOGAL. Exemplos: limón, inglés, mamá;

– Llanas ou Graves (paroxítonas) > NÃO são acentuadas as llanas terminadas em N, S e VOGAL. Exemplos: fácil, cárcel, tórax;

– Esdrújulas (proparoxítonas) e Sobreesdrújulas > todas devem ser acentuadas. Exemplos: pérdida, pretérito, permítemelo;

– Acento diacrítico ou diferencial > O acento diferencial é uma exceção às regras. Trata-se de palavras que recebem acento para diferenciá-las de seus homônimos, ou quando estão em sua forma interrogativa ou exclamativa.

1. Em geral, isso ocorre com os monossílabos homônimos, a saber: EL (artigo O) / ÉL (pronome ELE); TU (pronome TEU) / TÚ (pronome TU); MI (pronome MEU) / MÍ (pronome MIM); SI (condição SE) / SÍ (SIM, SI); DE (preposição DE) / DÉ (verbo DÊ); TE (pronome TE) / TÉ (substantivo CHÁ); MAS (MAS, PORÉM) / MÁS (MAIS); SE (pronome SE) / SÉ (verbo SEI).

2. As palavras: QUE, CUAL, CUANDO, QUIEN, COMO, DONDE, CUANTO, levam acento em sua forma interrogativa ou exclamativa.

3. As palavras SOLO e AÚN também recebem acento diferencial. SÓLO (somente) / SOLO (sozinho). AÚN (ainda), AUN (inclusive).

Exemplo de acentuação em monossílabos homônimos. Fonte: http://www.docenteca.com/Publicaciones/325-reglas-generales-de-acentuaci-n.html

 

ATENÇÃO:

– Os advérbios terminados em –MENTE respeitam as regras de acentuação referente à sílaba tônica. Ou seja, caso a palavra sem este sufixo seja acentuada, o acento é mantido. Exemplo: rápido > rápidamente, grave > gravemente;

– Não se acentuam os primeiros componentes de palavras compostas, a menos que sejam separadas por hífen. Exemplos: asimismo, físico-químico.

Para não restar nenhuma dúvida, assista nossa videoaula sobre o tema e gabarite no Enem!

Faça o Simulado

Sobre o(a) autor(a):

Marcia é formada em Língua e Literatura Espanhola pela Universidade Federal de Santa Catarina e Especialista em Estudos Linguísticos e Literários Aplicados ao Ensino da Língua Portuguesa pela Unisul. Dá aulas de espanhol em escolas da grande Florianópolis desde 2003. Facebook: https://www.facebook.com/mcardosocanto