Ácidos e bases na Química

Saber tudo sobre ácidos e bases é essencial para mandar bem nas questões de Química no Enem! Vem com a gente! Estude com o Curso Enem Gratuito!

As substâncias químicas em geral podem ser classificadas em orgânicas e inorgânicas. As orgânicas apresentam átomos de carbono os quais, geralmente formam estruturas de átomos de carbono ligados entre si.

As substâncias inorgânicas, direta ou indiretamente são de origem mineral. Algumas delas contam também com átomos de carbono, como o dióxido de carbono,  e o carbonato de cálcio 

Além dessa classificação, também podemos classificar as substâncias químicas de acordo com suas funções. Neste post você vai revisar duas das funções químicas que mais aparecem no Enem e nos vestibulares: Os ácidos e as bases. Vem com a gente revisar Química para gabaritar Ciências da Natureza no Enem!

Vamos conhecer um pouco os ácidos?

Cada função química reúne substâncias que apresentam propriedades semelhantes. Certas propriedades dos ácidos são usadas para identificá-los, como as relacionadas a seguir:

  • Ácidos são eletrólitos: pois sofrem ionização em água, gerando uma solução condutora de corrente elétrica;
  • Reagem com carbonatos  e bicarbonatos  produzindo gás carbônico, 
  • Atuam sobre a cor de indicadores ácido-base: Substâncias que assumem cores diferentes dependendo da acidez ou da basicidade da solução. Uma solução alcoólica de fenolftaleína, por exemplo, é incolor em meio ácido e em meio neutro, ou em meio levemente básico, e adquire coloração rósea em meio fortemente básico.
ácidos e bases - meios
Uma solução alcoólica de fenolftaleína

Agora que você já conhece as principais definições sobre os ácidos, vamos pensar nas características das bases:

  • As bases, assim como os ácidos, também apresentam algumas propriedades em comuns (propriedades funcionais).
  • As bases formam soluções eletrolíticas quando dissolvidas em água. Bases fortes são eletrólitos fortes (elevado grau de dissociação). As bases fracas, por terem baixa solubilidade em água e/ou baixo grau de ionização, apresentam também baixa condutividade elétrica.
  • As bases reagem com ácidos por meio da reação de neutralização. Ácidos são neutralizados por base e vice-versa, pois os íons  presentes na solução ácida reagem com íons  da solução básica, formando água.
  • Atuam sobre a cor dos indicadores ácido-base. O extrato do repolho roxo, por exemplo, quando em contato com uma solução alcalina, sofre alteração da sua cor – passa do roxo para o azul ou verde, dependendo da concentração de íons hidroxila, OH-, presentes na solução.
ácidos e bases - escala de pH
Escala de pH – Extrato de repolho roxo

Essas características que você acabou de revisar são definições “genéricas” sobre essas duas funções químicas. Mas, o Enem pode te cobrar algumas definições mais específicas que levam o nome de seus atores. Vamos, então, relembrar as definições de Ácidos e bases segundo Arrhenius, Bronsted-Lowry e Lewis?

Arrhenius:

Ácidos são substâncias que em solução aquosa liberam íons positivos de hidrogênio (H+).

Bases são substâncias que em solução aquosa, liberam hidroxilas, íons negativos OH–.

Bronsted-Lowry:

Ácido é uma substância capaz de ceder um próton a uma reação.

Base é uma substância capaz de receber um próton.

Lewis:

Ácidos são substâncias que em numa ligação química, podem receber pares eletrônicos.

Bases são substâncias que cedem pares eletrônicos.

É possível medir a concentração de hidrogênio iônico em uma solução a partir de uma escala logarítmica inversa, que recebeu o nome de potencial hidrogeniônico, ou simplesmente, escala de pH.

ácidos e bases - escalas
Escala de pH

Principais ácidos e bases e suas aplicações:

– Ácido Sulfúrico  É o nome comercial da solução aquosa de sulfato de hidrogênio. Esse ácido é utilizado em vários processos industriais, por exemplo, na fabricação do papel e de corantes, na produção de inseticidas, de fertilizantes, de explosivos e de outros ácidos. As baterias de automóveis contém solução aquosa de ácido sulfúrico.

– Ácido nítrico,  É utilizado na fabricação de corantes, pesticidas, fertilizantes, explosivos (TNT e nitroglicerina) e fibras sintéticas.

– Ácido Clorídrico: Em solução aquosa é muito utilizada na limpeza e galvanização de metais, no curtimento de couros e na obtenção de vários produtos.

– Hidróxido de sódio  Comercializado como soda cáustica, é muito utilizada, como por exemplo em uma das etapas do processo de fabricação do papel, tecidos e produtos de uso doméstico.

– Amônia,  é utilizada na fabricação de ácido nítrico,  na produção de fertilizantes, em amaciantes de roupas, em tintas e amaciantes de roupas e tintas e alisantes para cabelos e em desinfetantes.

Saiba mais sobre os ácidos com a aula do prof. Sobis:
Para finalizar sua revisão, veja o exercício sobre rendimento das reações químicas que selecionamos para você!

1- A amônia é um composto muito versátil, pois seu comportamento químico possibilita seu emprego em várias reações químicas em diversos mecanismos reacionais, como em

ácidos e bases - exemplos

De acordo com o conceito ácido-base de Lewis, em I a amônia é classificada como _______. De acordo com o conceito ácido-base de Brösnted-Lowry, a amônia é classificada em I e II, respectivamente, como _______ e _______.

Assinale a alternativa que preenche, correta e respectivamente, as lacunas.

a) base … ácido … base
b) base … base … ácido
c) base … ácido… ácido
d) ácido … ácido … base
e) ácido … base … base

2- Em um laboratório químico, um estudante encontrou quatro frascos (1, 2, 3 e 4) contendo soluções aquosas incolores de sacarose, KCl, HCl e NaOH, não necessariamente nessa ordem. Para identificar essas soluções, fez alguns experimentos simples, cujos resultados são apresentados na tabela a seguir: Frasco Cor da solução após a adição de fenolftaleína Condutibilidade elétrica Reação com Mg(OH)2 1 incolor conduz não 2 rosa conduz não 3 incolor conduz sim 4 incolor não conduz não As soluções aquosas contidas nos frascos 1, 2, 3 e 4 são, respectivamente, de

a) HCl, NaOH, KCl e sacarose.
b) KCl, NaOH, HCl e sacarose.
c) HCl, sacarose, NaOH e KCl.
d) KCl, sacarose, HCl e NaOH.
e) NaOH, HCl, sacarose e KCl.

Respostas:

1.b, 2.b

Sobre o(a) autor(a):

Munique é formada em química pela UFSC, tem mestrado e doutorado em Engenharia Química, também pela UFSC.