Como fazer uma boa conclusão na redação do Enem

Diferente do que muitas pessoas pensam, a conclusão do texto no Enem não deve ser composta somente pela proposta de intervenção. Nesta aula, vamos ver exatamente quais os elementos que devem ser apresentados neste parágrafo para que você consiga finalizar seu texto com qualidade.

A conclusão é uma parte muito importante do texto dissertativo-argumentativo. Nela, além de você garantir os 200 pontos da proposta de intervenção, você também deve finalizar suas ideias para concluir seu texto de maneira coesa e coerente. Por isso, nesta aula, vamos aprender como fazer uma boa conclusão para o texto dissertativo do Enem e ainda ver exemplos de conclusões de bons textos.

conclusão
Imagem 1: Como finalizar o texto dissertativo. Fonte: https://bit.ly/35L31ez

De maneira geral, não há uma regra com elementos obrigatórios para uma boa conclusão, mas vamos te mostrar uma forma que pode deixar a finalização do seu texto bem completa. Para não haver erro, busque escrever o último parágrafo do seu texto com os seguintes componentes:

conectivo conclusivo + retomada do que foi abordado no texto + proposta de intervenção.

A primeira palavra a aparecer no seu parágrafo de conclusão deve necessariamente ser um conectivo de conclusão, pois isso auxiliará na coesão do texto. São exemplos de conectivos que você pode utilizar: portanto, dessa forma, dessa maneira, desse modo, logo, em suma…

Depois do conectivo, você deve retomar o que foi abordado no texto. Essa é uma parte que muitos candidatos acabam esquecendo por achar que o texto pode se tornar repetitivo, mas ela é muito importante, pois te ajuda a garantir a linearidade textual e, consequentemente, a coesão e coerência do texto. Então, antes de apresentar a proposta de intervenção, busque retomar o objetivo dos parágrafos de desenvolvimento (os mesmos que você apresentou na introdução) para mostrar que você apresentou os objetivos, os discutiu e os concluiu, além de abordar bem o tema e, portanto, teve um texto completo.

conclusão
Imagem 2: Elementos essenciais da proposta de intervenção

Resumindo, mesmo que não seja a única, a forma mais clara de apresentar a conclusão do texto, o esquema a seguir garante que você tenha um parágrafo completo.

conclusão
Figura 3: Estrutura da conclusão do texto dissertativo

Agora sim, vamos ver como exemplos de conclusões que tiveram nota máxima no Enem de 2018, o qual tinha como tema a manipulação do comportamento do usuário pelo controle de dados na internet.

O primeiro texto, da aluna Gabriela Andrade, criticou o tema adjetivando-o como perigoso por criar uma realidade antidemocrática, a qual foi a abordada no primeiro parágrafo de desenvolvimento, e por facilitar a propagação de fake news, o que foi abordado no segundo parágrafo de desenvolvimento. A conclusão da aluna foi a seguinte:

Portanto, a manipulação comportamental através do controle de dados na internet é perigosa porque é antidemocrática e facilita a propagação de fakenews. Por isso, para combater tal manipulação, é necessário que o Ministério da Educação, com o auxílio das escolas, promova saraus e campanhas, em diversas mídias de massa, que mostrem a importância dos jovens buscarem fontes variadas de informações, por meio do incentivo à leitura de jornais, livros e sites confiáveis, com a finalidade de criar uma população com grande senso crítico, podendo discernir notícias falsas, variando-as e, consequentemente, beneficiando o regime democrático.

 

Veja como a conclusão acima seguiu exatamente o esquema apresentado nesta conclusão:

Conectivo: portanto

Retomada: a manipulação comportamental através do controle de dados na internet [tema] é perigosa [objetivo do texto] porque é antidemocrática [objetivo do primeiro desenvolvimento] e facilita a propagação de fake news [objetivo do segundo desenvolvimento]

Proposta de intervenção: para combater tal manipulação, é necessário que o Ministério da Educação [agente], com o auxílio das escolas, promova saraus e campanhas [ação], em diversas mídias de massa, que mostrem a importância dos jovens buscarem fontes variadas de informações [detalhamento], por meio do incentivo à leitura de jornais, livros e sites confiáveis [modo], com a finalidade de criar uma população com grande senso crítico [efeito], podendo discernir notícias falsas, variando-as e, consequentemente, beneficiando o regime democrático [detalhamento].

Caso você ainda tenha alguma dúvida ou queira aprofundar esta questão tão importante para a sua redação, veja a aula abaixo:

https://youtu.be/-8CARKA4Lvw

Sobre o(a) autor(a):

Os textos e exemplos acima foram preparados pela professora Daniela Cristina Garcia para o Curso Enem Gratuito. Daniela é formada em Letras (Língua portuguesa e literaturas) pela Universidade Federal de Santa Catarina e é mestre em Linguística (também pela UFSC). Dá aulas de Língua Portuguesa, com ênfase em redação, em escolas e cursos pré-vestibular de Florianópolis e possui experiência em correção de redação de vestibulares e exames.