Notação científica: operações com decimais

Há um modo muito fácil de trabalhar com decimais, basta aplicar notação científica que utiliza potência na base 10! Revise Matemática para arrebentar no Enem e nos vestibulares!

Atualmente lidamos com vários números decimais. Por exemplo, quando pensamos na velocidade da internet, nas distâncias entre cidades em nossas viagens, no entendimento de diversos assuntos nas áreas de saúde, ciência e economia e em tantas outras situações que nem nos damos conta. Utilizar a notação científica é uma forma de facilitar sua vida quando fica em frente a situações problemas que envolvem números decimais.

Uma forma de representarmos a notação científica é:

notação científica 1

Onde a letra N representa um número entre 1 e 10 e o expoente a representa o número de casas decimais que esse número possui.

Você deve estar se perguntando: onde e como posso usar essa notação científica?

Bem, vamos a um passo a passo para você aprender a transformar um número decimal em forma de notação científica.

Em primeiro lugar, vamos aprender a transformar os números grandes em notação científica:

Qual é nosso objetivo? Transformar um número em formato de Notação Científica onde o 1≤N<10 e para que isso aconteça devemos deslocar a virgula para a esquerda do número até alcançarmos essa condição.

Veja como é fácil!

Temos o número 200 000 000 e sabemos que todo o número inteiro pode ser escrito da seguinte forma 200 000 000,00! Agora temos o número decimal.

Agora você visualizou a tal da vírgula, não é mesmo?

Conte da esquerda para a direita quantas casas decimais devemos deslocar essa virgula para que esse número seja maior ou igual a 1 e menor que 10. Isso mesmo! A virgula tem que ficar do lado do algarismo 2.

Quantas casas você deslocou? Foram 8, não é mesmo? Então 8 será o valor do expoente da potência de base 10.

Agora vamos montar todos os passos aqui para que você entenda muito bem!

notação científica 2

Fácil, não é mesmo?

O mesmo podemos fazer com os números muito pequenos e a dica é deslocar a vírgula da direita para a esquerda:

notação científica 3

O que você notou de diferente em relação ao primeiro exemplo? O expoente é negativo, não é mesmo? Isso porque o número é menor que 1.

Muito bom e fácil!

Para você aprender mais assista o vídeo do prof. Sérgio Sarkis!

Exercícios sobre notação científica:

.

Sobre o(a) autor(a):

A professora Wania Maria de A. Pereira é graduada em Física e Matemática pela Universidade Federal de Santa Maria (UFSM) e é especialista em Psicopedagogia Institucional com enfoque em Gestão de Pessoas (UNC) e especialista em Educação a Distância (SENAC- SC). Atua na rede particular, estadual e municipal há 26 anos no Estado de Santa Catarina. Autora de diversos materiais didáticos para universidades privadas na área de Matemática e Metodologia de Ensino de Matemática. Facebook: www.facebook.com/WMariaAP. LinkedIn: https://www.linkedin.com/in/wmariaap/.