A Potência Elétrica: Conceito, Cálculos, e Aplicações na Física

Veja o Conceito de Potência dentro da Física, e, em seguida, entenda como se configura a Potência Elétrica para você mandar bem nas questões de Eletricidade no Enem.

Hora de se ligar nos temas clássicos da Física do Ensino Médio, e que sempre caem nas provas do Enem e dos Vestibulares. Potência Elétrica está neste grupo dos conteúdos mais frequentes solicitados no Enem.

Para começar bem a sua revisão é preciso fazer este movimento em dois passos. Primeiro, dominar o conceito de Potência. Ele surge na parte da Mecânica, na Física. E, depois, vamos aplicar o conceito de Potência para a parte da Eletricidade. Combinado?

Resumo sobre Potência, com o professor Marcelo Alves

Qual o significado de potência mecânica? Como é medida essa potência? O que é rendimento e como se calcula? Vem que o professor Marcelo explica:

Muito boa a didática do professor Marcelo Alves.

Veja agora a transcrição do vídeo, para ajudar você a localizar os pontos que precisa rever:

O Conceito de Potência

 – Quando se fala de potência, logo vem na cabeça equipamentos potentes: um carro potente, um avião muito potente… ou até mesmo, no inverno, um chuveiro muito potente! Mas o que significa esse termo ‘potente’?

– Um equipamento que é potente consegue transformar a energia de um tipo em outro. Ou seja, o chuveiro da sua casa, se ele tiver uma potência muito alta, ele vai conseguir transformar energia elétrica em energia térmica, para então aquecer a água. Um carro vai conseguir transformar a energia química do combustível em energia mecânica (energia do movimento, energia cinética).

– Então potência fica definido pela fórmula que o professor passou no quadro. Potência é igual à energia que você está transformando dividida pelo tempo que demora esta ‘operação’.

– Quando se fala de energia, aparece uma letra grega que remete ao trabalho (energia transformada) de uma força. É importante lembrar dessa letrinha 🙂 Ela pode representar todos os tipos de energia, como a elétrica, mecânica, cinética, térmica e por aí vai.

 – À medida de energia vai ser J/s, que significa watt. Então rendimento será pensado como aquilo que é possível retirar de energia útil de uma máquina. A máquina sempre receberá uma potência total, mas o que a máquina fornecerá para nós será uma potência útil – que não será igual a potência total.

– Existem perdas durante o processo (através de som, calor, etc). Por fim, nos sobra a energia útil! Para calcular o rendimento, dividimos a potência útil pela potência total. Essa divisão sempre deve dar um número menor que um (já que a potência total sempre será maior do que a potência útil). T

– Tomem cuidado para não inverter essa ordem! Sempre utilizamos esse resultado em porcentagens, ou seja, se o resultado deu 0,4, podemos dizer que o rendimento da máquina foi de 40%.

Resumo de Potência Elétrica com o prof. Marcelo

Começando de maneira bem simples, para você entender:  Potência elétrica nada mais é do que a transformação de energia elétrica em algum outro tipo de energia. Ficou confuso? Quer entender melhor esse conteúdo importante da Física? Veja na aula gratuita:

Bem tranquilo de compreender os fundamentos de Potência Elétrica com o professor Marcelo. Têm mais aulas com ele no Canal do Curso Enem Gratuito. Confere lá.\

Descrição do vídeo para facilitar a sua revisão de Potência Elétrica

– E aí, galera, beleza? A aula de hoje é sobre potência elétrica! Se você não viu nossa aula anterior sobre potência, volta ali e assiste porque a gente vai partir daquela definição para definir a potência elétrica.

– Potência elétrica nada mais é do que a transformação de energia elétrica em algum outro tipo de energia, seja ela energia mecânica (no caso de um ventilador, por exemplo), ou até mesmo uma energia térmica (como no caso dos fornos elétricos).

Então vamos usar a mesma definição que aprendemos na aula passada, onde potência é uma energia dividida pelo tempo. Só que agora essa energia é elétrica! E energia elétrica remete a um circuito elétrico. Professor mostra a representação de um circuito elétrico no quadro.

– O que seria uma lâmpada potente? Seria uma lâmpada que consegue iluminar muito bem um ambiente. Quando o circuito for ligado, uma corrente elétrica vai fluir através do circuito e ao atingir a lâmpada, faz com que ela brilhe emitindo luz. Aqui temos a transformção de energia elétrica em energia luminosa.

– Mas como é que vamos trabalhar com essa potência? A potência é a energia elétrica dividida pelo tempo. A potência elétrica depende da tensão elétrica (da fonte) e da corrente elétrica que se desenvolve no circuito. Professor mostra essas fórmulas no quadro. 3:19 – Então vamos definir agora a potência utilizada dentro de circuitos elétricos com os elementos do circuito que aprendemos em eletrodinâmica.

Se tivermos um circuito simples, podem existir elementos básicos: a U (fonte), o resistor (R) e a corrente elétrica (i). Como representamos a potência com esses elementos? Professor mostra as fórmulas que relacionam os elementos dentro do circuito 😉

– Então, galera, a aula de hoje vai ficando por aqui! Espero que vocês tenham gostado da aula e tirado suas dúvidas sobre potência elétrica. Forte abraço e tchau tchau \o/

Simulado de Potência Elétrica

.

.

=

E aí, você mandou bem no Simulado Enem de Potência Elétrica?

Acerte as questões de Eletriciade no grupo de problemas de Física que você arranca na frente da concorrência. Física é uma disciplina que poucos alunos compreendem nos tópicos da eletricidade. Uma questão destas vale pontos preciosos!