Movimento de Translação

Você sabia que os movimentos que a Terra realiza estão completamente ligados à nossas vidas? Vamos aprender mais sobre a translação para arrebentar em Geografia no Enem!

Apesar de não percebermos no nosso dia a dia, enquanto seguimos nossas vidas, a Terra está se movimentando. A translação, diferente da rotação, consiste no deslocamento realizado pela Terra ao redor do Sol. Ele dura um ano, e marca as Quatro Estações do ano: Primavera, Verão, Outono, e Inverno. Mas, por que isso acontece?

Bem, após o “Big Bang”, toda a matéria que havia se expandido e se dividido em diversas partículas, passou a se agrupar formando diferentes tipos de corpos celestes. Sendo assim, alguns se formaram com mais matéria, agregando mais energia e consequentemente possuindo mais massa que outros. Não diferente do restante do Universo, o Sistema Solar também passou por todo este processo.

As estrelas, diferente dos demais astros, geralmente possuem uma grande massa e luz própria, como o Sol. Desta forma, as estrelas são o grupo de astros que possui o maior potencial de atração dos demais corpos celestes que, consequentemente, acabam orbitando em seu entorno. A esta movimentação damos então o nome de Translação.

Como a única estrela do Sistema Solar é o Sol e este possui uma grande massa atrativa, todos os planetas orbitam em torno dele, inclusive a Terra. Durante o movimento de translação, a incidência de luz do Sol sobre a Terra varia.

Segundo os estudos realizados pelos astrônomos, o movimento de translação possui a duração de 365 dias e 6 horas, totalizando uma volta de 360º em um ano com uma velocidade de 29,78 Km/s.

diferença translação e rotação
Diferença da duração do movimento de rotação para a duração da translação.

 

Ao decorrer deste ano, com a variação de luz e calor, temos a ocorrência das diferentes estações: verão, inverno, primavera e outono, que ocorrem de formas diferentes de acordo com a localidade do globo. A variação da mesma estação em diferentes lugares do globo está ligada às latitudes.

Movimento de translação e as estações do ano

O outono e a primavera, estações de transição iniciam-se nos dias de equinócio que possuem dias e noites com a mesma duração, já o verão e o inverno iniciam-se em dias de solstício, havendo modificação da incidência do Sol em cada hemisfério.

movimento de translação e as estações do ano
Movimento de translação e as estações do ano

A variação da incidência de luz está completamente ligada ao fato de a movimentação da Terra se dar de forma elíptica (mais ovalada) e não circular. Deste modo, em alguns momentos do ano a Terra está mais próxima do Sol e em outros mais distante. Quando a Terra está no ponto mais próximo do Sol, temos o periélio, e quando está mais afastada, o afélio.

Como um ano possui 365 dias e 6 horas, acumulam-se às 6 horas de cada ano e em quatro anos soma-se um dia no movimento de translação, totalizando 366 dias. Estes anos são chamados de anos bissextos.

A combinação da inclinação da Terra com o movimento de translação causa também a diferença da duração dos dias e noites. Por conta da distância do Sol, no inverno, o dia é mais curto e a noite mais longa, já no verão, ocorre o inverso.

A ocorrência de eclipses lunares e solares também está diretamente ligada ao movimento de translação e o alinhamento da órbita da Lua com a órbita do planeta Terra.

Quando a Lua se alinha entre o Sol e a Terra, projetando uma sombra sobre o planeta, temos a incidência do eclipse solar, onde a Lua impede que a luz solar ilumine a superfície terrestre por alguns instantes.

Já o eclipse lunar ocorre quando a Terra fica entre o Sol e a Lua, impedindo que o Sol ilumine a superfície lunar. Esse fenômeno possui maior durabilidade que o eclipse solar. Estas então são as principais características e efeitos que acabam por definir o movimento de translação.

Para reforçar o conteúdo de Translação e arrasar nas questões de Geografia no Enem, assista nossa videoaula!

Para finalizar sua revisão, teste seus conhecimentos de Translação fazendo os exercícios que selecionei para você:

.

Sobre o(a) autor(a):

Este texto foi elaborado pelo geógrafo e professor de Geografia Marcelo de Araújo para o Curso Enem Gratuito. Marcelo é formado em Geografia (licenciatura) pela Universidade do Estado de Santa Catarina (UDESC). Atualmente trabalha como autônomo. https://www.facebook.com/mdearaujo22

Compartilhe: