Como fazer a proposta de intervenção da Redação do Enem

Veja agora na série “Redação Enem: começando do zero”: você vai aprender como fazer a proposta de intervenção. Confira as dicas da professora Daniela Garcia e tire suas dúvidas!

Você sabia que 20% da nota da redação vem da proposta de intervenção? Só ela já vale 200 pontos. Se você fica inseguro só de pensar na proposta, fica tranquilo que nesta aula você vai aprender um jeito simples e certeiro de escrevê-la!

O que é a proposta de intervenção

A proposta de intervenção é uma exigência da redação do Enem na qual você precisa indicar uma ação que ajude a combater o problema exposto no tema.

Lembre-se que não é necessário resolver o problema. Você apenas precisa intervir para buscar diminuí-lo, pois dificilmente conseguiríamos resolver questões tão complexas em tão poucas linhas e no curto tempo de prova.

Os 5 elementos da proposta de intervenção

Para garantir a pontuação máxima na proposta de intervenção, você deve indicar 5 elementos:

  1. Ação (o quê?)
  2. Agente (quem?)
  3. Modo/meio (como?)
  4. Efeito/finalidade (para quê?)
  5. Detalhamento (explicação e exemplos)

Cada um dos 5 elementos vale 40 pontos. Se você citar todos eles de forma adequada, garante os 200 pontos e gabarita a competência 5.

Elementos da proposta de intervenção da redação do Enem

Em seguida, confira como você deve utilizar cada um dos elementos da proposta de intervenção da redação do Enem.

1- Ação (o que fazer?)

A sua proposta de intervenção deve partir de uma ação concreta para intervir no problema. Para isso, pergunte a si mesmo: “o que é possível fazer para intervir no problema apresentado no tema?”. Normalmente, essa ação vai ser marcada por um verbo propositivo. Alguns exemplos são “promover uma campanha” e “criar políticas públicas”.

2- Agente (quem deve fazer?)

Também é necessário que você indique quem será o responsável por realizar a ação proposta. Geralmente os agentes são instituições governamentais, como prefeituras, ministérios, secretarias, assembleias legislativas etc. Você também pode citar agentes como escolas, universidades e organizações da sociedade civil, por exemplo.

3- Modo (como fazer?)

No modo você deve indicar de que maneira a ação vai ser executada. Se for uma campanha, por exemplo, terá peças publicitárias divulgadas na televisão? Cartazes serão espalhados pela cidade? E, caso seja uma política pública, serão realizadas audiências para ouvir a população? São meios como esses que você deve indicar.

4- Efeito (fazer para quê?)

Agora chegou o momento de descrever o efeito pretendido com a implementação da ação escolhida para a sua proposta de intervenção. Se for uma campanha, por exemplo, explique o resultado que você espera. Se for a criação de uma lei, indique o que você espera que mude quando ela entrar em vigor.

5- Detalhamento (explicações ou exemplos)

Para completar os 200 pontos possíveis na hora da correção da sua proposta de intervenção, é preciso escolher um dos quatro primeiros elementos e dar mais detalhes sobre ele. Pode ser a ação, o agente, o modo ou o efeito.

Mas, fica tranquilo porque a professora Dani vai explicar o passo a passo para gabaritar no detalhamento na aula 9 do curso “Redação Enem: começando do zero”.

Como fazer a proposta de intervenção da redação do Enem

Exemplo de proposta de intervenção

Confira um trecho de uma redação nota mil do Enem 2020, escrita por Isabella Gadelha:

Portanto, faz-se imprescindível que a mídia – instrumento de ampla abrangência – informe a sociedade a respeito dessas doenças e sobre como conviver com pessoas portadoras, por meio de comerciais periódicos nas redes sociais e debates televisivos, a fim de formar cidadãos informados. 

Observe como todos os elementos da proposta de intervenção estão presentes:

  • Ação: “informe a sociedade a respeito dessas doenças”.
  • Agente: “a mídia”.
  • Modo: “por meio de comerciais periódicos nas redes sociais”.
  • Finalidade: “a fim de formar cidadãos informados”.
  • Detalhamento: a autora explica o que é a mídia ao escrever que é “instrumento de ampla abrangência”.

Resumo sobre a proposta de intervenção da redação do Enem

Confira agora com a professora Dani o vídeo completo desta aula sobre os 5 elementos necessários para conquistar os 200 pontos na correção da proposta de intervenção.

Parabéns. Vamos para a penúltima aula do Curso de Redação. Avance para a Aula 9.

Aula 9: O Detalhamento da Proposta de Intervenção

Para que a Proposta de Intervenção na conclusão da Redação do Enem seja considerada completa ela precisa apresentar algumas características essenciais.

Veja o curso completo de Redação Enem Começando do Zero:

Se você ainda não viu os tópicos anteriores, a hora de fazer isso é agora. Aprenda a fazer a leitura da proposta e interpretação do tema, conheça a estrutura do texto dissertativo-argumentativo e saiba como definir os objetivos e criar os argumentos.

  1. Perca o medo da redação do Enem
  2. Leitura da proposta e dos textos motivadores
  3. Organize suas ideias
  4. A estrutura do texto
  5. Como criar repertório
  6. Dicas de argumentação
  7. Técnicas de coesão
  8. A proposta de intervenção
  9. Detalhamento da proposta de intervenção
  10. Os macetes da conclusão

Sobre o(a) autor(a):

João Vianney é diretor do Blog do Enem. Tem doutorado em Ciências Humanas, coordenou o Laboratório de Ensino a Distância da UFSC, e Dirigiu o Campus Unisul Virtual. É consultor de EaD da Hoper Educação.