Como usar o repertório sociocultural na redação do Enem

Na aula 5 do curso “Redação Enem: começando do zero” você vai entender o que é o repertório sociocultural, como utilizá-lo e como construir a sua própria lista de referências.

Você já sabe que precisa usar o repertório sociocultural na redação do Enem. Até aí, beleza. Mas, você já sabe o que é e como fazer para estudar repertório?  Você vai aprender agora com a professora Daniela Garcia no curso “Redação Enem: começando do zero”.

Confira todas as aulas do curso

  1. Perca o medo da redação do Enem
  2. Leitura da proposta e dos textos motivadores
  3. Organize suas ideias
  4. A estrutura do texto
  5. Como criar repertório
  6. Dicas de argumentação
  7. Técnicas de coesão
  8. A proposta de intervenção
  9. Detalhamento da proposta de intervenção
  10. Os macetes da conclusão

O que é repertório sociocultural

O repertório sociocultural é o que vai sustentar e legitimar a sua opinião na redação do Enem. Isso porque é necessário que você baseie suas ideias em alguns exemplos quando estiver escrevendo os parágrafos de desenvolvimento.

Tudo isso faz parte dos elementos observados pelos corretores na competência 2 de avaliação da redação do Enem. Mas, que tipo de informação pode ser considerada um repertório?

Publicidade

Tipos de repertório sociocultural

De acordo com os parâmetros da competência 2, existem três tipos de repertório sociocultural: texto motivador, não legitimado e legitimado. O repertório legitimado vale mais pontos do que os outros dois tipos. É ele que permite que você gabarite a competência 2.

Mas, isso não significa que você não possa utilizar o repertório dos textos motivadores ou o não legitimado. Isso porque os corretores vão considerar aquele que tiver o valor mais alto. Então, se você tiver utilizado pelo menos um repertório legitimado, já garante os pontos.

1- Repertório de texto motivador

Você pode utilizar os dados ou ideias que estão nos textos motivadores. Não se trata de copiar, mas sim de você mencionar corretamente uma informação que consta no texto motivador. A dica é você colocar a fonte que está no texto motivador.

2- Repertório não legitimado

Este é o tipo de repertório que você sabe que existe, ou de uma informação que você sabe que acontece, mas não tem uma fonte de referência para citar.

Por exemplo: você pode observar nos seus amigos, parentes ou conhecidos que as pessoas mais jovens têm o hábito de jogar no smartphone ou computador. Você sabe que é assim, mas não tem uma fonte científica para citar. Apesar disso, você pode utilizar esta informação no seu texto.

3- Repertório legitimado

De acordo com o Manual de Correção da Redação do Enem, o repertório legitimado é aquele “em que se utilizam informações, fatos, experiências ou situações vividas com respaldo nas Áreas do Conhecimento”.

Para você compreender melhor, pense numa informação que tem origem numa área do conhecimento científico. Por exemplo: as disciplinas que você estuda para a prova do Enem são áreas do conhecimento.

O Manual de Correção também aponta que serão considerados repertórios legitimados por essas áreas:

  • Conceitos e suas definições. Aqui você pode citar um conceito como inflação, por exemplo, e explicar que é o que define a alta de preços.
  • Informações, citações ou fatos e/ou referências a Áreas do Conhecimento.

Esse segundo tipo de repertório legitimado engloba uma variedade enorme de informações. Entre eles estão referências históricas, livros, teorias, músicas, filmes, séries, jornais, redes sociais e outros produtos de natureza cultural ou midiática.

Também podem ser citações de filósofos, sociólogos, cientistas, educadores etc. Além disso, você pode citar estudos ou pesquisas, personalidades ou personagens conhecidos e meios de comunicação.

Por fim, lembre-se que você precisa citar pelo menos um repertório legitimado para gabaritar na redação do Enem.

Tipos de repertório sociocultural

Como criar repertório

A dica da professora Dani é que você faça agora um exercício e vá compondo a sua relação de repertório básico, com citações ou exemplos que você pode colocar na redação.

Você pode organizar a sua lista em categorias de acordo com os eixos temáticos da redação do Enem. Os eixos são os seguintes:

  • Educação
  • Meio Ambiente e Sustentabilidade
  • Lazer Cultura e Comportamento
  • Segurança
  • Direitos e Cidadania
  • Linguagem, Comunicação e Tecnologias
  • Acessibilidade
  • Economia e Desenvolvimento

Assim, você pode assistir a um filme, por exemplo, e pensar em quais temas ele pode ser utilizado. Isso vai facilitar na hora de organizar as ideias para a estrutura da sua redação.

Correção gratuita de redação

Se você ainda não ativou a sua correção de redação gratuita, não perca tempo e acesse a plataforma do Redação Online no link abaixo!

Vídeo sobre repertório sociocultural

Para finalizar, assista agora ao vídeo desta aula 5 do curso “Redação Enem: começando do zero”, com a professora Dani:

Sobre o(a) autor(a):

João Vianney é diretor do Blog do Enem. Tem doutorado em Ciências Humanas, coordenou o Laboratório de Ensino a Distância da UFSC, e Dirigiu o Campus Unisul Virtual. É consultor de EaD da Hoper Educação.

Compartilhe: