Temas de redação para o Enem 2019. Veja como desenvolver

Tentar acertar o tema da redação do Enem nunca é fácil. Ainda assim, conhecendo o histórico da prova, fizemos uma seleção de seistemas prováveis para a prova deste ano. Confira para ir treinando seus rascunhos.

Ninguém sabe dizer, com certeza, qual será o tema da redação do Enem 2019. Se alguém estiver anunciando por aí que sabe pode apostar que é mentira!

É justamente por essa incerteza que nós, do Curso Enem Gratuito, recomendamos aos candidatos que estudem sobre temas de redação variados e treinem escrever sobre eles ao longo da preparação para o Enem.

Neste post, vamos indicar as nossas apostas para o tema da redação deste ano e, ao final, tem uma análise dos temas que caíram nas últimas edições do Exame Nacional do Ensino Médio!

1. A responsabilidade por danos ambientais

Faz tempo que o Enem não cobra, na redação, algo ligado à temática do meio ambiente. Por isso, acreditamos que o tema pode ser proposto em 2019.

Vale lembrar que em 2015 aconteceu uma das maiores tragédias ambientais da história brasileira: o rompimento de uma barragem da mineradora Samarco na cidade de Mariana, em Minas Gerais (foto).  E, agora em 2019 o país viveu a tragédia do rompimento da barragem da Vale em Brumadinho (MG), com mais de 200 mortos. Os desastres causaram não apenas centenas de mortes e deixaram famílias desabrigadas. Além disso, os vazamento de lama contaminada causaram (e causam ainda) impacto ambiental grave na região, poluindo rios e matando plantas e animais.

Em 2019 completam-se 4 anos do ocorrido em Mariana, até hoje, uma das maiores insatisfações da população e dos defensores do meio ambiente é a demora para a devida reparação pelos danos causados. A justiça é lenta, e as empresas ficam protegidas pela legislação arcaica.

Para saber como desenvolver uma redação sobre o tema, é importante saber o que é impacto ambiental! Além disso, temos um post que fala sobre como abordar temas ligados ao meio ambiente na redação do Enem.

Se você quiser se aprofundar nos desastres ambiental da Samarco e da Vale, recomendamos o episódio 159 do podcast Mamilos, intitulado Rio Doce: da lama ao caos.

2. Vacinas e o movimento anti-vacinação no Brasil

Apesar de as vacinas terem a segurança e a eficácia comprovadas cientificamente, movimentos contrários a elas vêm crescendo nos últimos anos. Com medo de possíveis efeitos adversos da imunização, muitos pais deixam de vacinar seus filhos, contrariando os protocolos médicos.

O movimento anti-vacinação ganhou tal força no Brasil que em 2018 e 2019 o país passou a enfrentar um surto de sarampo, doença que se considerava erradicada no País. Apesar de ter renovado as campanhas de vacinação para crianças e adultos, o alcance da imunização permanece abaixo do esperado, representando um problema grave e crescente a ser combatido.

Considerando a relevância do tema, preparamos um post sobre a importância das vacinas e o movimento anti-vacinação no Brasil.

3. Migrações e a crise de refugiados

Este é um tema de repercussão nacional e global. A cada dia o Brasil tem recebido mais migrantes de países que enfrentam sérias crises econômicas e guerras civis, como a Venezuela e a Síria. Debater as dificuldades da inserção dessas pessoas na sociedade brasileira é uma ótima proposta para a redação do Enem!

A proposta de redação pode trazer temas relacionados a migrações como, por exemplo, o problema da xenofobia, ou seja, o preconceito contra estrangeiros. Outra questão interessante a ser debatida é a barreira da linguagem enfrentada pelos imigrantes em um novo país, o que dificulta a socialização e a busca por empregos.

Para aprofundar seus argumentos sobre o tema, leia também o nosso post sobre etnocentrismo e relativismo cultural – esse conteúdo certamente vai enriquecer o seu texto!

4. Temas relacionados à igualdade de gênero

Embora a redação do Enem de 2015 tenha abordado a pauta dos direitos das mulheres, a questão de gênero é um assunto inesgotável que encontra cada vez mais repercussão no Brasil.

Para abordar temas dessa área na redação do do Enem, você deve ir além dos argumentos usados nas redes sociais e embasar seu texto em teorias acadêmicas. Por isso, sugerimos que você leia, antes de tudo, o nosso texto sobre igualdade de gênero e as lutas feministas. Esse é um ótimo ponto de partida!

Um problema que pode ser facilmente apresentado pelo Enem aos seus candidatos é a questão da divisão do trabalho doméstico e da criação dos filhos. Isto pode ser abordado pelo viés da divisão e ocupação dos espaços públicos e privados. Nesse sentido, pode-se discutir a posição da mulher no mercado de trabalho e a participação de homens nas tarefas domésticas e nos cuidados com os filhos.

Outro tema relacionado à igualdade de gênero é a discussão sobre a imposição de padrões de beleza na nossa sociedade: podemos refletir sobre como eles são construídos e perpetuados de maneiras muitas vezes danosas àqueles que não se encaixam no padrão tido como correto.

5. Direitos das pessoas LGBT

Os últimos anos vêm sendo marcado por avanços históricos na conquista de direitos pela comunidade LGBT no Brasil, como o reconhecimento dos direitos à união estável homoafetiva e ao uso do nome social. Ainda assim, resta um longo caminho a ser percorrido para que a igualdade plena seja alcançada.

Para discorrer sobre os direitos das pessoas LGBT, você deve conhecer as lutas dessa comunidade e as violências por ela sofridas, além de entender a diferença entre gênero e orientação sexual!

6. Corrupção e a crise de representatividade política no Brasil

Depois de tantos escândalos de corrupção, parece que nenhum político está a salvo. Os brasileiros não sabem em quem acreditar e se veem cada vez mais decepcionados com o sistema político.

Se esse tema cair na redação deste ano, o candidato deve estar preparado para falar sobre as relações entre política, poder e Estado. Ou seja, prepare-se para discorrer sobre o papel do Estado na sociedade, democracia e a disputa pelo poder político.

Para te ajudar, escrevemos um post sobre como abordar temas de política e cidadania na redação do Enem! Dá uma conferida!

E aí? Gostou das nossas apostas de temas de redação? Então a nossa dica é escrever uma redação sobre cada tema para chegar ainda mais preparado ao dia da prova!

Analisando os temas de redação dos últimos anos

Para entender o que pode ser tema da redação em 2018, é interessante analisar os assuntos que foram cobrados pela prova nos últimos anos. Vamos lá?

  • Enem 2013: “Efeitos da implantação da Lei Seca no Brasil”
  • Enem 2014: “Publicidade infantil em questão no Brasil”
  • Enem 2015: “A persistência da violência contra a mulher na sociedade brasileira”
  • Enem 2016: “Caminhos para combater a intolerância religiosa no Brasil”
  • Enem 2017: “Desafios para a formação educacional de surdos no Brasil”

Observe que todos esses temas versam sobre problemas enfrentados pela sociedade brasileira. Ou seja, o Enem sempre propõe aos candidatos uma reflexão sobre questões reais do nosso País.

Por este motivo, independente do tema que venha a ser cobrado (até porque adivinhá-lo é difícil), a nossa dica é que todos os estudantes se mantenham informados sobre o cenário político e social do Brasil. Cultive o hábito de acompanhar as notícias e fique atento a temas de repercussão nacional.

Outro aspecto em comum dos temas de redação dos últimos anos é a perspectiva dos direitos humanos: o Enem gosta de propor debates em que coloquem em foco alguma minoria.

Tanto é assim que até o ano de 2017 o edital do Enem previa que o candidato que desrespeitasse os direitos humanos poderia ter o texto zerado! Isso gerou um grande debate no final de 2017 e, no final das contas, a disposição do edital foi vetada por uma decisão judicial.

No edital de 2018, o desrespeito aos direitos humanos não consta mais como uma das hipóteses de atribuição de nota zero à redação.

Ainda assim, é importante que o estudante continue respeitando os direitos humanos na redação do Enem! Quando foi lançado o edital de 2018, a presidente do Inep, Maria Inês Fini, declarou que o desrespeito aos direitos humanos pode descontar pontos da redação, mesmo que o texto não venha a ser anulado.

Ou seja, ficou claro que uma das diretrizes da correção da redação do Enem é o respeito aos direitos humanos e que, se o teor do texto feri-los, o candidato poderá ter uma pontuação menor.

Portanto, independentemente do tema que venha a ser cobrado, mantenha o seu texto alinhado à perspectiva dos direitos humanos! Mas, e bom ficar de olho no edital. Trocou todo mundo no MEC e no INEP, e pode vir novidade no Edital de 2019.

Ao escrever sua redação, pense em como resolver o problema proposto respeitando e promovendo as liberdades individuais, a igualdade entre os cidadãos, a preservação do meio ambiente e, acima de tudo, a dignidade da pessoa humana.

Bons estudos!