10 Temas de Redação Enem: veja a lista dos professores

Confira as principais apostas do Curso Enem para os temas da redação e veja as dicas dos professores para um texto nota 1000. Assim você já pode começar agora a treinar em seus rascunhos. Vem!

Confira as dicas quentes dos Temas de Redação Enem selecionados pelos professores do Curso Enem Gratuito e pela equipe do Blog do Enem. 1) A Responsabilidade por danos ambientais; 2) Coronavírus, vacinas, e movimento Anti-Vacinação no Brasil; 3) Diversidade e Igualdade de Gênero; 4) Assédio Sexual; 5) Mobilidade Urbana;

6) Redução da Maioridade Penal; 7) Movimentos Sociais; 8) Direitos LGBT; 9) Corrupção e crise de representatividade Política no Brasil; 10) Migrações e a Crise dos Refugiados. Veja abaixo os resumos de cada tema e as dicas dos professores sobre como elaborar o texto dissertativo-argumentativo.

Todos estes Temas de Redação Enem são tópicos contemporâneos alinhados com o perfil preferido pelos organizadores das provas do Exame Nacional do Ensino Médio.  Ninguém consegue acertar o tema de véspera.  Mas,  justamente por essa incerteza é que nós, do Curso Enem Gratuito, recomendamos aos candidatos que estudem sobre os temas sugeridos para treinar e escrever sobre eles ao longo da preparação para o Enem.

Temas de redação Enem dos últimos anos

Para entender o que pode ser tema da próxima redação do Enem é interessante analisar os assuntos que foram cobrados pela prova nos últimos anos. Vamos lá?

  • Enem 2013: “Efeitos da implantação da Lei Seca no Brasil”
  • Enem 2014: “Publicidade infantil em questão no Brasil”
  • Enem 2015: “A persistência da violência contra a mulher na sociedade brasileira”
  • Enem 2016: “Caminhos para combater a intolerância religiosa no Brasil”
  • Enem 2017: “Desafios para a formação educacional de surdos no Brasil”
  • Enem 2018: “Manipulação do comportamento do usuário pelo controle de dados na internet”
  • Enem 2019: “Democratização do acesso ao cinema no Brasil”

Observe que todos esses temas versam sobre problemas enfrentados pela sociedade brasileira. Ou seja, o Enem sempre propõe aos candidatos uma reflexão sobre questões reais do nosso País.

Por este motivo, independente do tema que venha a ser cobrado (até porque adivinhá-lo é difícil), a nossa dica é que todos os estudantes se mantenham informados sobre o cenário político e social do Brasil.

Cultive o hábito de acompanhar as notícias e fique atento a temas de repercussão nacional. Agora, veja as apostas dos professores para os temas que são sempre quentes para a redação do Enem deste ano.

Dica: No final do post você tem uma análise dos temas que caíram nas últimas edições do Exame Nacional do Ensino Médio!

Veja os Temas e resumos

1. A responsabilidade por danos ambientais

Faz tempo que o Enem não cobra, na redação, algo ligado à temática da poluição e meio ambiente. Por isso, acreditamos que o tema pode ser proposto neste ano.  O debate internacional sobre a derrubada de partes da floresta amazônica seguida de grandes queimadas, e de incêndios em grandes proporções devastando o Pantanal e outras áreas de reserva ecológica colocam em cena a questão da responsabilidade por danos ambientais.

Vale lembrar que em 2015 aconteceu uma das maiores tragédias ambientais da história brasileira: o rompimento de uma barragem da mineradora Samarco na cidade de Mariana, em Minas Gerais (foto).  Em 2019 o país viveu a tragédia do rompimento da barragem da Vale em Brumadinho (MG), com mais de 200 mortos.Os desastres causaram não apenas centenas de mortes e deixaram famílias desabrigadas. Além disso, os vazamento de lama contaminada causaram (e causam ainda) impacto ambiental grave na região, poluindo rios e matando plantas e animais.

Em 2020 completam-se 5 anos do ocorrido em Mariana, até hoje, uma das maiores insatisfações da população e dos defensores do meio ambiente é a demora para a devida reparação pelos danos causados. A justiça é lenta, e as empresas ficam protegidas pela legislação arcaica.

Para saber como desenvolver uma redação sobre o tema, é importante saber o que é impacto ambiental! Além disso, temos um post que fala sobre como abordar temas ligados ao meio ambiente na redação do Enem.

Se você quiser se aprofundar nos desastres ambiental da Samarco e da Vale, recomendamos o episódio 159 do podcast Mamilos, intitulado Rio Doce: da lama ao caos.

2. Coronavírus, Vacinas e o movimento anti-vacinação no Brasil

Apesar de as vacinas terem a segurança e a eficácia comprovadas cientificamente, movimentos contrários a elas vêm crescendo nos últimos anos. Com medo de possíveis efeitos adversos da imunização, muitos pais deixam de vacinar seus filhos, contrariando os protocolos médicos.

O movimento anti-vacinação ganhou tal força no Brasil que em 2018 e 2019 o país passou a enfrentar um surto de sarampo, doença que se considerava erradicada no País.

Apesar de ter renovado as campanhas de vacinação para crianças e adultos, o alcance da imunização permanece abaixo do esperado, representando um problema grave e crescente a ser combatido.

Considerando a relevância do tema, preparamos um post sobre a importância das vacinas e o movimento anti-vacinação no Brasil.

Em 2020 o país entrou na tragédia do Coronavírus Covid-19, com milhares de mortos. Não existia vacina e nem tratamento eficaz, e a única forma de prevenção era mesmo o isolamento social. Uma tragédia social e de saúde pública.

Dica do Blog: Como fazer a Introdução Perfeita

Gostou das dicas da professora Dani? Agora, veja mais temas de Redação

3. Migrações e a crise de refugiados

Este é um tema de repercussão nacional e global. A cada dia o Brasil tem recebido mais migrantes de países que enfrentam sérias crises econômicas e guerras civis, como a Venezuela e a Síria. Debater as dificuldades da inserção dessas pessoas na sociedade brasileira é uma ótima proposta para a redação do Enem!

A proposta de redação pode trazer temas relacionados a migrações como, por exemplo, o problema da xenofobia, ou seja, o preconceito contra estrangeiros.

Outra questão interessante a ser debatida é a barreira da linguagem enfrentada pelos imigrantes em um novo país, o que dificulta a socialização e a busca por empregos.

Para aprofundar seus argumentos sobre o tema, leia também o nosso post sobre etnocentrismo e relativismo cultural – esse conteúdo certamente vai enriquecer o seu texto!

4. Temas relacionados à igualdade de gênero

Embora a redação do Enem de 2015 tenha abordado a pauta dos direitos das mulheres, a questão de gênero é um assunto inesgotável que encontra cada vez mais repercussão no Brasil.

Para abordar temas dessa área na redação do do Enem, você deve ir além dos argumentos usados nas redes sociais e embasar seu texto em teorias acadêmicas. Por isso, sugerimos que você leia, antes de tudo, o nosso texto sobre igualdade de gênero e as lutas feministas. Esse é um ótimo ponto de partida!

Um problema que pode ser facilmente apresentado pelo Enem aos seus candidatos é a questão da divisão do trabalho doméstico e da criação dos filhos. Isto pode ser abordado pelo viés da divisão e ocupação dos espaços públicos e privados. Nesse sentido, pode-se discutir a posição da mulher no mercado de trabalho e a participação de homens nas tarefas domésticas e nos cuidados com os filhos.

Outro tema relacionado à igualdade de gênero é a discussão sobre a imposição de padrões de beleza na nossa sociedade: podemos refletir sobre como eles são construídos e perpetuados de maneiras muitas vezes danosas àqueles que não se encaixam no padrão tido como correto.

Dica do Blog: Os Segredos da Redação do Enem

Veja com a professora Tharen Teixeira como é a Estrutura do Texto Dissertativo-Argumentativo.

Gostou desta aula? Muito boa mesmo. Bora prosseguir.

5. Direitos das pessoas LGBT

Os últimos anos vêm sendo marcado por avanços históricos na conquista de direitos pela comunidade LGBT no Brasil, como o reconhecimento dos direitos à união estável homoafetiva e ao uso do nome social. Ainda assim, resta um longo caminho a ser percorrido para que a igualdade plena seja alcançada.

Para discorrer sobre os direitos das pessoas LGBT, você deve conhecer as lutas dessa comunidade e as violências por ela sofridas, além de entender a diferença entre gênero e orientação sexual!

6. Corrupção e a crise de representatividade política no Brasil

Depois de tantos escândalos de corrupção, parece que nenhum político está a salvo. Os brasileiros não sabem em quem acreditar e se veem cada vez mais decepcionados com o sistema político.

Se esse tema cair na redação deste ano, o candidato deve estar preparado para falar sobre as relações entre política, poder e Estado. Ou seja, prepare-se para discorrer sobre o papel do Estado na sociedade, democracia e a disputa pelo poder político.

Para te ajudar, escrevemos um post sobre como abordar temas de política e cidadania na redação do Enem! Dá uma conferida!

7. Assédio Sexual

Os temas do Assédio Sexual e da violência contra a mulher estão na ordem do dia em todo o mundo. As denúncias de atrizes de cinema, de que eram vítimas do produtor de filmes Harvey Weinstein deram visibilidade em toda a mídia. Ele foi condenado a 23 anos de prisão. Este episódio propiciou a que milhares de mulheres ganharam coragem para contar o que tinha acontecido com elas.

No Brasil tivemos denúncias e condenações envolvendo o médico Roger Abdelmassih, que foi condenado a 278 anos de prisão por 52 casos de estupro. Mas, apenas as denúncias e as condenações não foram suficientes para interromper a repetição destas violências contra o sexo feminino.Os estudos do Monitor da violência mostraram que apenas no primeiro semestre de 2020 foram registrados 9.310 casos de estupro contra mulheres no Brasil, e ainda mais 13.379 casos de estupro de vulnerável. As mulheres foram vítimas ainda de 119.546 casos de lesão corporal por violência doméstica.

8 – Mobilidade Urbana

A vida contemporânea trouxe desafios para a humanidade. O Brasil foi um país de população predominantemente rural até a metade do século XX. Somente na virada dos anos de 1950 para 1960 é que a população urbana passou a ser maioria nos indicadores do Censo populacional realizado pelo IBGE.

O conforto da vida e das oportunidades de trabalho e de emprego na cidade ganhou nos últimos anos um contraponto que afeta a todos nas grandes cidades que é a falta de Mobilidade Urbana. Trens lotados. Metrôs que não chegam a todos os cantos das metrópoles. Ônibus lotados, e muito engarramento no trânsito e poluição pela queima de combustíveis fósseis.

O Tema da Mobilidade Urbana em busca de mitigar o problema ou de encontrar novas soluções para a sociedade é forte candidato a virar Redação do Enem.

9 – Redução da Maioridade Penal

De tempos em tempos surge na sociedade brasileira a proposta de redução da maioridade penal. Hoje estabelecida a partir dos 18 anos completo, os projetos no Congresso Nacional ora sugerem a redução para 16 anos ou até menos. A fundamentação para as propostas leva em conta a realidade de outros países onde já a partir de 12 ou 13 anos as pessoas já são considerada imputáveis por crimes graves que vierem a cometer.

No Brasil o voto aos 16 anos já é permitido, e há o constante questionamento de que “se é possível votar para presidente da república, que é um ato consciente, por que não se admite a correspondente maioridade penal?”.  E você, qual é a sua opinião?

Um adolescente pode ser responsabilizado criminalmente por crimes que vier a cometer? Faça este exercício escrevendo sobre o Tema da Redação “A Redução da maioridade Penal”.

10 – Movimentos Sociais

A Pandemia do Coronavírus colocou a população sob restrições de circulação social durante muitos meses. Mas, será que isso significou um arrefecimento dos Movimentos Sociais no país? Ou, por outro lado, será que os Movimentos saíram das ruas para continuar acontecendo através das Redes Sociais. Esta é uma possibilidade de questionamento possível para um Tema de Redação do Enem.

O Brasil viveu desde 2013 uma sucessão de grandes Movimentos Sociais, com dimensões avassaladoras.  O que era para ser um protesto conta o aumento de 20 centavos nas passagens do transporte coletivo urbano em São Paulo, organizado pelo Movimento do Passe Livre, acabou saindo do controle do grupo proponente. A população em massa que estava nas galerias de metrô, por exemplo, passo a cantar o hino nacional e exigir mudanças contra a corrupção que estava sendo denunciada na Petrobrás, no escândalo do Mensalão.

As ruas foram invadidas depois com mobilizações contra e a favor do Impeachment da ex-presidente Dilma Rousseff, polarizando o país. Depois vieram as paulas da Lava-jato, da prisão em segunda instância para os condenados passarem a cumprir pena em regime penitenciário. Os escândalos de corrupção continuaram  inclusive em 2020, mas sem reflexo de Movimentos Sociais nas ruas.

E depois da Pandemia? Qual será o caminho para os Movimentos Sociais? Eis aí um bom tema de Redação do Enem.

Como escrever uma redação sobre um tema que não conheço?

Um dos maiores medos de quem vai fazer o Enem é cair um tema completamente desconhecido na proposta de redação. Por mais que a gente estude vários temas diferentes, há sempre a chance de cair alguma temática completamente aleatória, da qual nunca ouvimos falar.

Saiba como se preparar para essa possibilidade com o vídeo abaixo:

 

Outro aspecto em comum dos temas de redação dos últimos anos é a perspectiva dos direitos humanos: o Enem gosta de propor debates em que coloquem em foco alguma minoria.

Tanto é assim que até o ano de 2017 o edital do Enem previa que o candidato que desrespeitasse os direitos humanos poderia ter o texto zerado! Isso gerou um grande debate no final de 2017 e, no final das contas, a disposição do edital foi vetada por uma decisão judicial, e sumiu a partir de 2018.

Assim, desde o edital de 2018, o desrespeito aos direitos humanos não consta mais como uma das hipóteses de atribuição de nota zero à redação. Porém, permanece no edital que a Proposta de Intervenção, na Conclusão da Redação, precisa levar em conta a perspectiva dos direitos humanos.

Ainda assim, é importante que o estudante continue respeitando os direitos humanos na redação do Enem! Quando foi lançado o edital de 2018, a presidente do Inep, Maria Inês Fini, declarou que o desrespeito aos direitos humanos pode descontar pontos da redação, mesmo que o texto não venha a ser anulado.

Ou seja, ficou claro que uma das diretrizes da correção da redação do Enem é o respeito aos direitos humanos e que, se o teor do texto feri-los, o candidato poderá ter uma pontuação menor.

Portanto, independentemente do tema que venha a ser cobrado, mantenha o seu texto alinhado à perspectiva dos direitos humanos! Mas, e bom ficar de olho no edital. Trocou todo mundo no MEC e no INEP, e pode vir novidade no Edital de 2019.

Ao escrever sua redação, pense em como resolver o problema proposto respeitando e promovendo as liberdades individuais, a igualdade entre os cidadãos, a preservação do meio ambiente e, acima de tudo, a dignidade da pessoa humana.

Bons estudos!

Compartilhe: